Notícias

Jaiane e Viviane seguram o certificado de participação na Semad (UEM)

Jaiane e Viviane seguram o certificado de participação na Semad (UEM)

Publicado em 26 | 10 | 2012 às 20:26

Viviane dos Santos Machado, egressa da Fafijan, apresenta trabalho na 32ª Semana do Administrador da UEM, acompanhada pela professora Jaiane Aparecida Pereira

Artigo aprovado tem como tema a mulher empreendedora como parte da disseminação da educação empreendedora

Texto por: imprensa@fafijan.br | Fotos por: Assessoria de Imprensa Fafijan

A egressa da Fafijan (Faculdade de Jandaia do Sul), Viviane dos Santos Machado, que se formou na Instituição em 2010, no curso de Marketing, e em 2011 concluiu o MBA em Gestão Empresarial: Recursos Humanos e Marketing, esteve presente na 32ª Semad (Semana do Administrador) da UEM (Universidade Estadual de Maringá). Ela teve artigo aprovado pela comissão avaliadora do evento para ser apresentado nas comunicações orais.

O trabalho, que tem como título “A mulher empreendedora como parte da disseminação da educação empreendedora: um estudo nos colégios particulares da cidade de Jandaia do Sul – PR”, foi orientado no MBA pela vice-coordenadora do curso de Administração da Fafijan, Jaiane Aparecida Pereira. “Por causa da boa avaliação que teve na época, sugeri a Viviane o envio do artigo para a Semad deste ano, que é um evento referência na divulgação de pesquisas científicas”, conta a professora. Ela explica que o artigo inscrito passa pela avaliação de dois docentes da área e que depois ele é repassado aos autores, com pareceres e com a notícia da aprovação ou não. “Ficamos felizes pelo fato de o nosso artigo ter sido aprovado e de ter a opinião de especialistas na área, que enobreceu o nosso trabalho”, ressalta Jaiane.

De forma específica, o trabalho teve como objetivo mostrar o perfil das mulheres empreendedoras, como é feita a gestão dos seus negócios e também discutir a importância da educação empreendedora desde a adolescência. Segundo as entrevistadas – no caso, diretoras de escolas particulares de Jandaia do Sul –, a disseminação da cultura empreendedora deve ser feita ainda cedo, por meio do ensino, do compartilhamento de experiências adquiridas, de exemplos empreendedores, de encorajamento e dedicação às pesquisas, fazendo a visitação em empresas, entre outros.

Para Jaiane, a Fafijan (acadêmicos e professores) tem elaborado pesquisas com temas interessantes e de qualidade, que precisam sair desse ambiente e serem apresentadas. “A participação em eventos traz benefícios a todos os envolvidos: ao aluno, que observa o seu trabalho ser valorizado; à comunidade que pode se utilizar dos trabalhos para conhecimento e desenvolvimento das empresas, unindo teoria à prática; à faculdade, que divulga o bom trabalho que vem desempenhando, sem contar que o Ministério da Educação incentiva e valoriza a publicação dessas pesquisas”, ressalta ela.