Notícias

Para a coordenadora do Capmi, as confraternizações têm como objetivo principal a interação entre os participantes

Para a coordenadora do Capmi, as confraternizações têm como objetivo principal a interação entre os participantes

Publicado em 12 | 05 | 2011 às 13:40

Projeto Capmi comemora o Dia das Mães

Festividade contou com apresentação musical e momentos de reflexão, sobre o importante papel exercido por essas mulheres

Texto por: imprensa@fafijan.br | Fotos por: Assessoria de Imprensa Fafijan

Em tons de rosa foi decorado o Anfiteatro da Fafijan (Faculdade de Jandaia do Sul), na última terça-feira, 10 de maio, para receber os alunos do projeto Capmi (Centro de Apoio à Pessoa da Melhor Idade). O motivo do encontro não poderia ser mais especial: a homenagem ao Dia das Mães. Data que, em 2011, foi comemorada no último domingo, dia 8. “Queríamos ter feito esse jantar na semana passada, mas o local onde realizamos as nossas festas foi utilizado para outro evento”, destacou uma das coordenadoras, Lucinéia da Silva Pontara.
Foi quando Rosí Marí de Souza Bruneli, parceira de Néia na coordenação do Capmi, lembrou que o Dia das Mães, na verdade, são todos os dias. “A mãe é uma figura essencial em nossas vidas e, em minha opinião, todas as mulheres carregam, dentro de si, esse dom. Porque mesmo as que não tiveram filho têm um avô, um pai, um irmão, um marido, que são cuidados muitas vezes por elas”, afirmou a diretora da Fafijan, presente no evento, Maria Gertrudes Gonçalves de Sousa Guimarães.
Para Néia, as freqüentes e caprichosas confraternizações organizadas para o pessoal da melhor idade têm como objetivo valorizá-los, promover interação, momentos de descontração, manter tradições e, principalmente, celebrar a vida. “Buscamos caprichar nos detalhes, porque aquilo que ‘enche’ os olhos ‘enche’ também o coração. Queremos que os nossos meninos e meninas sintam o quanto são importantes para nós e o quanto é bom ter amigos, compartilhar experiências, sentimentos, viver com qualidade”, disse Néia.
Além dos comes e bebes, houve na noite de terça-feira, apresentação musical em homenagem às mães e reflexões sobre o importante papel exercido por essas mulheres.

CAPMI
O Capmi (Centro de Apoio à Pessoa da Melhor Idade) é um projeto de extensão social da Fafijan (Faculdade de Jandaia do Sul), que existe desde 1998. Para participar, é necessário ter mais de 45 anos. No projeto, são oferecidos cursos de artesanato em geral (tapeçaria, bordado, crochê, pintura em tecido), aulas de canto, atividades físicas (hidroginástica, ginástica, biodança), além de atividades espirituais e palestras informativas. Durante o ano, também são realizados diversos passeios e confraternizações. O telefone para contato é o (43) 3432-4141 / 3432-4646.