Notícias

Exposição dos painéis irá até o dia 27 de outubro. Semanalmente, haverá a troca dos temas abordados. De 25 a 29 de julho, foram mostradas as artes egípcia, grega e romana

Exposição dos painéis irá até o dia 27 de outubro. Semanalmente, haverá a troca dos temas abordados. De 25 a 29 de julho, foram mostradas as artes egípcia, grega e romana

Publicado em 02 | 08 | 2011 às 21:08

Tem início na Fafijan o projeto “A arte do olhar”

Trabalho que tem como objetivo levar aos acadêmicos um resumo da História da Arte Ocidental é coordenado pelos professores Eslei Vietro e Rosi Maria Basseto Sena

Texto por: imprensa@fafijan.br | Fotos por: Assessoria de Imprensa Fafijan

Na volta às aulas, segunda-feira, 25 de julho, os estudantes da Fafijan (Faculdade de Jandaia do Sul) se depararam com painéis espalhados pelos corredores. A curiosidade fez com que se aproximassem e vissem de perto o conteúdo de cada um. Neles, textos e imagens: resumos históricos de diversas épocas, povos e das suas diferentes formas de expressões artísticas. Rosi Maria Basseto Sena, coordenadora do curso de Letras e uma das organizadoras do projeto “A arte do olhar”, explica que a arte, no decorrer do tempo, foi compreendida e manifestada de maneiras distintas. “O que é nítido na composição e variação das formas encontradas; cores; estilos; conceitos transmitidos. Tudo isso vai ficar bem claro na cabeça das pessoas que forem acompanhando o projeto nas próximas semanas”, antecipa a professora.
Em parceria com o coordenador de pós-graduação, Eslei Vietro, e das acadêmicas e monitoras de Letras, Roberta Juliana Gonçalves de Melo e Thaís Cristina Ferreirinha de Castro, até o dia 27 de outubro, semanalmente, serão expostos novos painéis, com novas temáticas. O critério de escolha para os temas que serão apresentados, conta Rosi, é a linearidade histórica. “Começamos com as artes egípcia, grega e romana, vamos passar para a gótica e medieval, clássica e renascentista, barroca e arcade, romântica e realista, simbolista, vanguardas européias, moderna e contemporânea”, cita ela.
Para essa atividade, os organizadores optaram pelas artes visuais mais tradicionais, como pintura, escultura e arquitetura. Rosi justifica a importância do projeto “A arte do olhar” pelo fato de as artes plásticas constituírem um componente cultural que requer contato constante. “Para que sejam reconhecidas e compreendidas elas precisam ocupar os espaços existentes na comunidade, inclusive acadêmica, de uma instituição comprometida com o saber em todos os seus ângulos. Essa proposta objetiva apresentar aos alunos de todos os cursos da Fafijan o contato com pinturas, esculturas e obras arquitetônicas dos principais artistas nacionais e internacionais, por meio de exposições de imagens e textos, para que haja circulação e memorização das mesmas.” Rosi ressalta que ter um olhar voltado para a arte, saber apreciá-la, colabora com a sensibilização e humanização do ser.
Na noite de quarta-feira, 27 de julho, os colegas João Gustavo Amorim, de Ciências Biológicas, e Luanna Carolina Cruz, de Psicologia, aproveitaram o horário do intervalo para observar todos os painéis. “Achamos bastante interessante. Normalmente, nós conseguimos identificar grandes obras, mas pouco ou nada sabemos sobre a história que existe por trás delas. Acreditamos que esse projeto nos trará muitas informações e também contribuirá para educar os nossos olhares”, afirmam.
Nas segundas e terças-feiras, os painéis poderão ser vistos na entrada do Bloco 2; e nas quartas, quintas e sextas-feiras, em frente à copiadora, no Bloco 1.