Notícias

Diversos assuntos da área contábil foram apresentados e debatidos no sétimo Encontro de Ciências Contábeis da Fafijan

Diversos assuntos da área contábil foram apresentados e debatidos no sétimo Encontro de Ciências Contábeis da Fafijan

Publicado em 22 | 11 | 2011 às 15:20

Futuro do contador é tema do VII Encicon

Encontro de Ciências Contábeis foi realizado na Fafijan de 24 a 28 de outubro

Texto por: imprensa@fafijan.br | Fotos por: Assessoria de Imprensa Fafijan

Em parceria com o Sescap-PR (Sindicado das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas no Estado do Paraná); com a Hold Invest – Assessoria de Investimentos; e com o CRC-PR (Conselho Regional de Contabilidade do Paraná), a Fafijan (Faculdade de Jandaia do Sul) promoveu de 24 a 28 de outubro a sétima edição do Encicon (Encontro de Ciências Contábeis).
Acadêmicos, convidados e profissionais da área lotaram o Anfiteatro da Instituição, onde foi realizado, na abertura do evento, o quarto Encontro de Egressos, que contou com a participação de Thiago Fernando Pivatti (que se formou em Ciências Contábeis pela Fafijan em 2010) e Rosana do Carmo Rodrigues (formada em 2009).
Ambos apresentaram o trabalho de conclusão de curso e falaram um pouquinho sobre a importância do estudo em suas carreiras. “Eu entrei como secretária na empresa onde trabalho e fui avançando para o departamento financeiro, comercial até chegar à contabilidade. Neste eu me identifiquei e procurei qualificar-me por meio da graduação”, lembrou Rosana, que é hoje contadora da Romagnoli Alimentos, de Apucarana. Para Thiago, a profissão de contador pode, sim, ser bem rentável àqueles que se dedicam a uma boa formação. “Antes mesmo de eu terminar os estudos, oportunidades começaram a surgir.” Ele ressaltou que o profissional contábil de valor precisa estar sempre atualizado: “participar de cursos, conhecer a legislação”.
A diretora da Instituição, professora Maria Gertrudes Gonçalves de Sousa Guimarães, destacou ser importante rever os ex-alunos e saber o que eles estão fazendo profissionalmente. “A forma como vocês atuam no mercado de trabalho e, conseqüentemente, levam o nome da Fafijan adiante, nos enche de orgulho”, afirmou. Ainda na primeira noite do Encontro, o acadêmico Rafael Benedito Borges, do oitavo período do curso, apresentou o trabalho: “A visualização do profissional contábil e a aplicabilidade da ciência contábil na gestão do varejo: um estudo aplicado no comércio varejista do município de Marilândia do Sul”. E a convite da Faculdade de Jandaia do Sul, Ernany Brandt Pereira, recém-formado pela FCV (Faculdade Cidade Verde), de Maringá, também fez a sua exposição, abordando o tema: “Reestruturação societária”.
No dia 25, o economista Dagoberto Bortolan, sócio-proprietário da Hold Invest, proferiu a palestra: “Desmistificando a bolsa de valores”. De acordo com ele, apenas 0,2% da população tem conhecimento sobre investimentos em ações: “porque nós crescemos pensando em guardar dinheiro na caderneta de poupança, idéia herdada de nossos pais e avós”, brincou. “Seja sócio de grandes empresas. Quem investe em um bom empreendimento pode ganhar junto com ele, já que no mínimo 25% do lucro obtido é dividido com os aplicadores”, explicou Dagoberto.
Após o fórum de debates, houve o lançamento do livro “Controladoria de Gestão para o segmento comercial – Teoria e Estudo de Caso”, escrito pelo professor da casa, Ariovaldo Mambrini. Aos presentes, ele fez um resumo da obra, que resultou da tese de mestrado em Engenharia de Produção com Ênfase em Finanças, concluído na UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina). “Demorei cinco anos para produzir esse trabalho que vocês estão vendo hoje. Nele, tentei preencher algumas lacunas que no decorrer do tempo encontrei nos livros sobre controladoria. É uma contribuição científica e prática para a área.” Segundo Mambrini, toda verba arrecadada com a venda do livro (que pode ser encontrado nos sites www.jurua.com.br; www.relativa.com.br; www.bestbooks.com.br; www.livrariaultimainstancia.com.br) será destinada à Associação Florart Vida, de Jandaia do Sul.
Na noite de 26 de outubro, o professor Roberto Carlos Navarro, do Sescap-PR, falou sobre “IRFS – Normas Internacionais de Contabilidade. Principais mudanças introduzidas pelas Leis, Resoluções com enfoque nas Demonstrações Contábeis”.
O penúltimo dia de Encicon, 27, foi destinado às apresentações de trabalhos científicos desenvolvidos por participantes do evento, que se encerrou na sexta-feira, 28, com a já tradicional disputa de futsal interclasses, vencida pelos meninos do oitavo período.
Para o coordenador do curso de Ciências Contábeis da Fafijan, professor Luiz Mascote, o objetivo do Encontro é manter os inscritos atualizados sobre diversos temas da área, promover discussões e estimular a produção científica.